Oferta!

Veuve Clicquot Loveseat – Poltrona | Karim Rashid | Flávio Rossi | Ano 2007

R$39.000.00 R$24.900.00

POLTRONA NAMORADEIRA – KARIM RASHID – “Veuve Clicquot Loveseat”
-Poltrona estilo namoradeira (para 02 pessoas) com champanheira no centro.
Design by: Desenvolvido e Produzido por Karim Rashid (Egito), para Veuve Clicquot.
Intervenção: Intervenção artística do Flávio Rossi (Brasil) – data: 2012. (Uma verdadeira obra de arte).
Data: 2007.
Descrição/Detalhes: Trata-se de uma poltrona extremamente rara, produzida em conjunto e para comemoração da famosa marca de Champanhe Veuve Clicquot, originalmente produzida em Milão em 2007, sendo uma série limitada de apenas 120 Loveseat ao valor original unitária de US$ 10K e que se esgotaram imediatamente. E para o Brasil vieram apenas 03 unidades. Sua forma assemelha-se a duas pétalas de flores desdobradas, com uma champanheira no centro. A forma de fibra de vidro pintada é suportada por uma base de aço cromado, podendo ser exibida ode ser exibida em ambientes internos e externos.
Certificado: Cada Poltrona “Loveseat” possui em sua base a placa de identificação com a assinatura de Karim Rashid e seu número de série.
Exposições/Feiras: Ela já foi exposta no Instituto Tomie Othake, no Hotel Fasano do Rio de Janeiro, na Casa Cor de diversos estados do Brasil em varios anos, (o Studio Karim Rashid ganhou o premio de melhor espaço na Casa Cor de 2011 em São Paulo e esta poltrona foi o destaque na Casa Cor de Florianópolis em 2011) e entre vários outros locais. -Também participou da Feira Parte 2018 no Clube a Hebraica/SP com a Galeria Paulista.
*Consulte antes o valor do frete para sua região. O frete para S.P.-Capital é gratuito.

Quantidade:
Artista

Assinatura

Dimensões

Data

Descrição/Detalhes

POLTRONA NAMORADEIRA – KARIM RASHID – “Veuve Clicquot Loveseat”
-Poltrona estilo namoradeira (para 02 pessoas) com champanheira no centro.
-Design by: Desenvolvido e Produzido por Karim Rashid (Egito), para Veuve Clicquot.
-Intervenção: Intervenção artística do Flávio Rossi (Brasil) – data: 2012. (Uma verdadeira obra de arte).
-Data: 2007.
-Descrição/Detalhes: Trata-se de uma poltrona extremamente rara, produzida em conjunto e para comemoração da famosa marca de Champanhe Veuve Clicquot, originalmente produzida em Milão em 2007, sendo uma série limitada de apenas 120 Loveseat ao valor original unitária de US$ 10K e que se esgotaram imediatamente. E para o Brasil vieram apenas 03 unidades. Sua forma assemelha-se a duas pétalas de flores desdobradas, com uma champanheira no centro. A forma de fibra de vidro pintada é suportada por uma base de aço cromado, podendo ser exibida ode ser exibida em ambientes internos e externos.
-Certificado: Cada Poltrona “Loveseat” possui em sua base a placa de identificação com a assinatura de Karim Rashid e seu número de série.
-Exposições/Feiras: Ela já foi exposta no Instituto Tomie Othake, no Hotel Fasano do Rio de Janeiro, na Casa Cor de diversos estados do Brasil em varios anos, (o Studio Karim Rashid ganhou o premio de melhor espaço na Casa Cor de 2011 em São Paulo e esta poltrona foi o destaque na Casa Cor de Florianópolis em 2011) e entre vários outros locais. -Também participou da Feira Parte 2018 no Clube a Hebraica/SP com a Galeria Paulista.
*Consulte antes o valor do frete para sua região. O frete para S.P.-Capital é gratuito.

BIOGRAFIA 1 – KARIM RASCHID (designer/criador – obra)
O designer egípcio Karim Rashid nasceu em 1960, no Cairo. Filho de pai egípcio e mãe inglesa, foi criado no Canadá. Formou-se em desenho industrial no ano de 1982, pela Carleton University de Ottawa, e seguiu para a Itália no mesmo ano, buscando aprimorar seus estudos. Trabalhou com Gaetano Pesce, Ettore Sottsass e Rodolfo Bonetto. Ao voltar para o Canadá, Karim passou 7 anos na KAN Industrial Designers, empresa que tinha entre seus clientes Samsung e Black&Dezker. O designer tentou propor o uso de novas tecnologias e materiais, como o polipropileno, mas a aceitação ainda não era fácil. Foi quase 10 anos depois que a Apple lançou novos produtos usando polipropileno.
Nesta época, paralelamente à KAN, Karim fundou a Babel Fashion Collection, junto com dois outros arquitetos, e desenhou as coleções por seis anos. Apesar da Babel não estar mais produzindo, seu interesse por moda sempre existiu, e ainda hoje ele produz roupas e acessórios.
No final dos anos 80 Karim começou a lecionar, e vem trabalhando com universidades e dando palestras pelo mundo desde então, alem de escrever para diversas publicações de design, e participar no júri de concursos da área. O estúdio em Nova York foi aberto em 1993. Dois anos depois, a Nambé lançou uma coleção inteira desenhada por Karim Rashid, que foi um sucesso absoluto de vendas. Começava então a produção de um design que encantou muitas indústrias, estendendo-se por diversas áreas. Karim tem entre seus clientes Prada, Issey Miyake, Umbra, Sony, Giorgio Armani, Hyundai, Cytibank, Edra, Grendene e Carolina Herrera, entre outros.
Atualmente, Karim Rashid tem mais de 2.000 produtos no mercado, projetou hotéis, restaurantes e bares e foi premiado inúmeras vezes em muitas categorias, já que são muita as áreas em que atua, como ID Magazine’s Annual Design Review 2003, 2002, 2001, 2000, prêmio de Melhor Hotel de Design da Europa em 2005, premio de Best Retail Store em 2003 e vários outros.
São 70 objetos seus em coleções permanentes de 14 diferentes museus, entre eles o MOMA em Nova York, Montreal Museum of Dezorative Arts, Denver Art Museum, San Francisco Museum of Modern Art, Brooklyn Museum of Art, Price Tower Art Center, The Jewish Museum, Art Museum of Ontario. A mais nova aquisição do MOMA foi a lixeira Garbo, da Umbra, que desde 2005 é parte do acervo permanente do museu. Seu trabalho vem sendo exposto em museus e galerias de diversos paises, e sua produção artística inclui peças conceituais e instalações que discutem a convivência e a mentalidade da sociedade do século XXI.
FONTE: http://designfurb.blogspot.com/2011/08/karin-rashid-portfolio-e-biografia.html
BIOGRAFIA 2 – FLÁVIO ROSSI (artista responsável pela intervenção artística na obra)
Graduado em Artes Plásticas pela Universidade PUC-Campinas, começou a desenhar incentivado pelo pai projetista. Trabalhou como ilustrador e caricaturista, ilustrando diversas revistas no Brasil, entre elas: Superinteressante, Exame, Você S/A, Veja, Playboy, Placar, Vip, Caros Amigos, Saúde, Info Corporate, Mundo Estranho, Terra, entre outras.
Trabalhou também para os jornais Correio Popular (Campinas), Diário do Povo (Campinas), Agora São Paulo (SP), Folha de São Paulo (SP) e O Pasquim21(RJ) jornal editado por Ziraldo.
Recebeu inúmeros prêmios em Salões nacionais e internacionais de humor, entre eles o Salão Latino Americano de Humor de Piracicaba, Salão Internacional de Humor de Piracicaba, Salão internacional de Humor do Piauí, Salão carioca de Humor, Salão Internacional de Humor de Pernambuco, Salão de Humor de Caratinga-MG, Salão de Humor de Montes Claros, Salão Internacional de Humor de Volta Redonda, além da Bienal de Humor de Cuba.
Fonte: site: catálogodasartes.com.br – Catálogo das Artes.